REAL ESTATE

A origem do termo “Real Estate” vem do inglês que numa tradução literal significa “propriedade real”, transmitindo a ideia de um bem físico, tangível. O significado amplo da expressão é tudo que está relacionado ao Mercado Imobiliário, podendo ser considerados sinônimos aqui no Brasil.

Nos EUA é comum ver casas com placas escritas “Real Estate” indicando que lá é uma corretora de imóveis. Os Fundos de Investimento Imobiliário americanos são chamados de REITs (Real Estate Investment Trusts). Com esses dois exemplos extremos, a pequena imobiliária e o grande fundo de investimento, dá pra perceber que a expressão tem um uso bastante extenso.

Para poder organizar os segmentos do Real Estate (ou Mercado Imobiliário como você preferir) podemos separar os investimentos em dois grandes grupos com relação a forma de ganhar dinheiro:

  • Empreendimentos para Venda: você ganha vendendo algum imóvel ou propriedade que você construiu ou comprou mais barato, também chamados de empreendimentos imobiliários.
  • Empreendimentos para Renda: você ganha com a exploração do uso do imóvel ou propriedade cobrando uma taxa ou, o mais comum, um aluguel. São conhecidos como empreendimentos de base imobiliária.

Os empreendimentos imobiliários – para venda – possuem alto risco, grande remuneração e horizontes de médio prazo de investimento (de 2 a 4 anos). É nesse segmento que nós trabalhamos.